segunda-feira, 1 de julho de 2013

capitulo 59

                                                        cap 59


zac: calma, tio... – acariciou os cabelos com força. – sabe que eu não faria isso, mas casamento já é demais.
gina: é melhor não forçar nada greg... – suspirou levantando. – os dois já são adultos, com certeza sabem o que fazem. 
stella: eu concordo com a gina, se eles não querem casar agora é uma escolha deles, não temos o direito de meter o bedelho assim na vida intima dos nossos filhos, pessoal. 
zac: valeu mãe. – sorriu levemente e a mãe piscou.
gina: e um bebê seria perfeito, vai ser uma união concreta das nossas famílias, tem algo mais maravilhoso?
greg e david se entreolharam ainda não aprovando muito a ideia, para eles vanessa e zac tinham que se casar, e logo. mas olhando por outro lado até que não seria tão mal se esperassem um pouco a poeira baixar para que pensassem nisso.
greg: eu não sei gina... – suspirou. – você sabe como a mamãe é chata com essas coisas, seria muito desagradável se ela ficar falando como se a nossa filha fosse uma qualquer apenas por estar gravida antes do momento...
gina: ora esqueça a sua mãe, greg... – rolou os olhos. – nossa filha precisa de nós agora... – greg a encarou. – e então?
greg virou-se para olhar a filha e viu que ela estava de cabeça baixa, brincando com os dedos, uma prova de seu nervosismo que tinha herdado dele mesmo.
greg: ok, por mim pode ser... – suspirou aflito. 
david: tudo bem... – vendo que stella o encarava.
vanessa: quer dizer que eu não vou precisar me casar? é isso? – dizia se levantando com afobação.
greg: por enquanto não. – sorriu de leve. – agora vem aqui, joaninha. – ela sorriu e abraçou o pai. – eu não quero que sofra nunca minha filha... – sorriu apertando-a forte. – você e seus irmãos são tudo para mim! eu te amo e vou estar ao seu lado até o fim.
vanessa: eu também te
 amo pai. – sorriu em meio a lagrimas. – obrigado por me apoiar.


greg: depois de uma boa bronca, sempre minha filha... – deu um beijo na testa dela. ele queria proteger vanessa de todo e qualquer sofrimento.
gina: vocês podem contar com todo o nosso apoio. – disse enxugando as beiras dos olhos que estavam molhadas devido a lagrimas. – oh meu deus, tão nova e já serei avó. – sorrindo emocionada.
todos sorriram.
stella: ai meu filho... – sorriu dando um selinho em zac . – você é malvado, me transformou em vovó. – zac sorriu. – esse bebê vai ser muito amado. e espero que ele seja muito parecido com você. – pincelando o nariz de vanessa. – parece uma boneca!
vanessa: obrigado. – com os olhinhos brilhando, deu um abraço em stella que a apertou forte.
ficaram mais um tempo conversando e fazendo perguntas, depois vanessa precisou ir pois tinha que passar um e-mail de um trabalho para um professor, com isso teve que ir. zac deu uma desculpa e também foi procurar seu rumo. stella e gina ainda estavam abaladas com a noticia, igual seus maridos, mas também estavam felizes em saber que seriam avós, era emocionante. era uma situação complicada, mas não podiam fazer nada que não fosse aceitar e apoiar seus filhos, caso o contrario só traria mais sofrimento e angustia.

enquanto isso na cantina.
nikki se empanturrava de comer, era hora do almoço... hora que o apetite da garota dobrava e isso ela não conseguia controlar. estava deliciando um franguinho assado, mordia a coxinha como se o alimento fosse sumir. scoot e corbem observavam tudo de longe.
corbem: vai lá cara... – disse empurrando scoot. – a nikki está sozinha, vai lá...
scoot: olha só como ela come, daqui a pouco ela está triturando até o prato, veí... – negando com a cabeça.
corbem: vou ter que dar trezentos para alguém mais corajoso... – assoviando.


scoot rolou os olhos.
acoot: ok, vou lá... – disse bufando e caminhando até a gordinha que estava concentrada no franguinho. – oi nikki. – pôs as mãos no bolso, abrindo seu sorriso sedutor.
ela começou a olha-lo debaixo pra cima, começou pelo tênis de marca, seguido do jeans transado e uma blusa azul claro. engoliu o seco ao ver scoot lhe sorrindo daquela forma. ela mal conseguia falar.
scoot: posso sentar aqui? – apontando a cadeira vazia ao lado da dela. ela apenas assentiu com a cabeça, não conseguia falar, estava perplexa, o que fazia ali, conversando com ela? – está tudo bem? – sorrindo.
nikki: ah claro. – disse sorrindo e voltando a comer, mais civilizadamente. – tudo bem?
scoot: sim e com você? 
nikki: muito bem. – sorriu com os olhinhos brilhando. – procurando as meninas? eu nem vi elas e...
scoot: não... – a interrompendo. – hoje eu vim conversar com você. – ela arregalou os olhos surpresa e feliz e tomou um gole de coca, estava nervosa.
nikki: ah... e é? – disse gaguejando.
scoot: sim, eu queria saber se você não quer... – passou a mão nos cabelos. – tipo, sair comigo pra dar uma volta, tomar alguma coisa, sei lá...
nikki sentiu o ar faltar, aquilo só poderia ser um sonho!

nikki: é serio? – colocando o prato de lado e o encarando com um sorriso tímido.
scoot: claro que sim. – sorriu. – eu te acho uma boa companhia e como não temos nada pra fazer à tarde, eu pensei que seria uma boa te conhecer melhor... – sorriu galante. – e então?
nikki sorriu iluminada, deu um beliscão de leve na perna para ver se estava sonhando e não, não estava sonhando! era verdade!
sorriu. uma oportunidade como aquela era uma coisa muito rara, para uma pessoa como ela, e não iria desperdiçar não mesmo...
nikki: é claro que eu aceito. – sorriu. – quando?
scoot: ué... – dando de ombros. – agora mesmo, eu conheço uma sorveteria muito maneira. – sabia que não tinha meio mais fácil de atrai-la se não fosse pelo estomago.
nikki: por mim tudo bem, eu posso me trocar? – scoot sorriu assentindo. – eu juro que não me demoro, dois minutinhos. – piscou e saiu aos pinotes até seu dormitório.

scoot pôs a mão no maxilar e negou com a cabeça ao vê-la correndo, perecia uma bola, coitada... mas ele estava precisando de grana, seu pai tinha lhe cortado a mesada por ter batido o carro caríssimo... então tudo o que viesse era lucro... 

4 comentários:

  1. Pocha que Scoot safadoo se a Ash descobrir ele está ferrado
    posta logo bjsss

    ResponderExcluir
  2. q isso scoot, kkkkk
    ta mt bom posta logo

    ResponderExcluir
  3. karoline pereira2 de julho de 2013 17:46

    quem vai sofrer com essa brincadeirinha
    é a nikki, ta mt bom posta logo

    ResponderExcluir
  4. nossa o scoot tem uma verdadeira cada de pau msm
    ta mt bom posta logo

    ResponderExcluir